28/07/2021 às 22h58min - Atualizada em 28/07/2021 às 22h58min

Mãe assume mandato no Senado no lugar do filho Ciro Nogueira

Seu filho assumiu ministério.

Agência senado

Tomou posse na tarde desta quarta-feira (28) a senadora Eliane Nogueira (PP-PI), suplente e mãe do titular do mandato, Ciro Nogueira (PP-PI). Por conta do recesso parlamentar, a cerimônia de posse ocorreu na Sala da Presidência do Senado, conduzida pelo 2º secretário da Mesa, senador Elmano Ferrer (PP-PI).

Ciro se afastou do mandato para assumir a Casa Civil da Presidência da República, em substituição ao general Luiz Eduardo Ramos. Este será o primeiro mandato político de Eliane e Silva Nogueira Lima, 72 anos, natural de Teresina (PI). Empresária, ela compôs a chapa de Ciro, eleita em 2018. O segundo suplente é Gil Marques de Medeiros, o Gil Paraibano, também do PP, que, em 2020, foi eleito prefeito de Picos (PI).

A senadora disse que dar continuidade ao trabalho realizado pelo filho é “uma grande honra e muita responsabilidade”. Ela ressaltou que o amor pelo Piauí e a dedicação aos menos favorecidos vão nortear a sua atuação no Senado.

Segundo a Lei das Inelegibilidades (Lei Complementar 64, de 1990), a indicação de parentes à suplência das chapas que concorrem ao Senado não é ilegal. No ano passado, o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) apresentou o PLP 253/2020, que visa proibir a eleição de suplentes que sejam cônjuges, companheiros ou parentes dos candidatos. O projeto ainda não foi analisado.

Virgínio

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE) se licenciou temporariamente do mandato, dando lugar ao seu segundo suplente, Virginio de Carvalho (DEM-SE). A substituição foi feita em 17 de julho.

Na semana passada, a senadora já havia solicitado uma licença médica de cinco dias para controle de hipertensão.

— Tive indicação médica para desacelerar e controlar melhor a pressão, mas preferi encerrar o período de esforço concentrado no Senado e só na sexta-feira pedi a licença. Entretanto, me pareceu o momento adequado aproveitar esse período para tirar uma licença maior e poder tratar de assuntos pessoais e familiares que estavam pendentes. Melhor que ocorresse agora do que no que vem, que é um ano eleitoral — explicou a senadora em texto divulgado pela sua assessoria.

Maria do Carmo Alves, que é senadora desde 1999, pediu licença para tratar de assuntos particulares. Atualmente, a parlamentar é titular das comissões de Assuntos Sociais (CAS) e Educação, Cultura e Esporte (CE) e integra duas frentes parlamentares: Antirracismo e dos Senadores dos Estados do Norte e Nordeste.

Virginio de Carvalho é pastor evangélico, mestre em Ciência da Religião e doutor em Teologia. Ele já havia assumido o mandato em duas outras ocasiões: de março de 2008 a janeiro de 2009 e de outubro a dezembro de 2016. Virginio de Carvalho assumiu pela impossibilidade justificada do primeiro suplente, Ricardo Franco, para assumir neste momento.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ofatoagora.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp