22/11/2021 às 09h41min - Atualizada em 22/11/2021 às 09h41min

Corinthians vence clássico, volta ao G-4 e adocica por um dia a amargura do torcedor em 2021

GE

A menos de 20 dias do fim do Brasileirão, o torcedor do Corinthians vive período de amargura. Embora não exista mais chance de títulos, o time vem bem na briga pela vaga direta na Libertadores – entrou no G-4 ao vencer o Santos, neste domingo. A sensação, porém, muitas vezes, é a de que esse é um ano trágico.

Pouco identificado com o técnico Sylvinho e irritado com a escalação frequente de jogadores como Jô, Gabriel e Fábio Santos, o torcedor tem colocado "mas" e "poréns" mesmo nas vitórias da equipe durante o campeonato. Foram 14 de 34 jogos. O time agora é quarto, com 53 pontos.
 

A pontuação já superou os 51 de 2020, quando o time foi apenas 12º colocado. Mas a impressão geral é que, com as contratações, o time subiu de patamar e já deveria ter desempenho melhor. Realmente poderia, embora valha a ressalva de que os quatro reforços praticamente não atuaram juntos. Tropeços recentes, jogos ruins fora de casa e vitórias no sufoco elevaram essa tensão.

O confronto contra o Santos, por exemplo, começou com vaias ao treinador. Poucas vezes a Neo Química Arena ecoou um barulho tão contrário a um comandante corintiano antes de a bola rolar. A derrota para o Flamengo B irritou a Fiel. Assim como escolhas, por vezes, questionáveis do treinador.

 

Mas a vitória por 2 a 0 no último clássico do ano adocicou a amargura. Ao menos por um dia.

Contra um ex-técnico querido pela Fiel (Fábio Carille, campeão brasileiro em 2017) e diante de um rival de nível ruim e que tem permanência na Série A ainda incerta, o Timão fez o que dele se espera numa tarde de domingo com o apoio de 43 mil torcedores: atropelou.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ofatoagora.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp